A volta do gordo de raiz

Lucio Luiz
@lucioluiz

Publicado em 22 de março de 2012

Depois de fazer uma cirurgia de emagrecimento e ficar de dieta restritiva por um bom tempo, finalmente voltei a comer igual gente hoje (ou o mais perto disso que eu consigo). Para comemorar, nada melhor que voltar a publicar a coluna Gordo de Raiz, que já estava há quase dois meses sem sair. Tudo bem que ninguém reclamou nem disse que sentia falta, mas volto assim mesmo :P

PS: O vlog Sem Quilos retorna na próxima segunda-feira e vocês poderão saber um pouco mais sobre meu sofrimento durante esse período de dieta restritiva.

Gordo de Raiz, por Lucio Luiz

A VOLTA DO GORDO DE RAIZ
(desculpa aí, Nelson Gonçalves)

Pizzaria,
aqui me tens de regresso
e esfomeado lhe peço
calabresa com requeijão.

Voltei
pra comer empada e coxinha
na lanchonete da Tia Cotinha;
acompanham fritas de montão!

Padaria,
sabendo que andei distante
sei que o padeiro falante
vai agora ironizar:

“Ó, pá, voltou!
Aquele gajo voltou pra comer!
Partiu daqui pra emagrecer!
Por que razão quer voltar?”

Acontece
que a barriga que fez meu caminho
ter salgados, frituras, docinhos,
e por pouco quase explodiu.

Compreendeu
e sorriu me dizendo a roncar:
“Meu amigo, tu podes lanchar,
não esqueça o estomazil.

Vá rever
as tortas alemãs e holandesas,
vá provar as novas sobremesas
e comer brigadeiros reais.

Vá embora,
pois me resta o consolo e alegria
de saber que depois da cirurgia
Nem que queiras vais comer demais”

Publicidade

Comente no Facebook

Comente no Site

2 respostas para “A volta do gordo de raiz”

  1. Jéssica Capelini disse:

    Aê tio Lúcio, Bom saber que você já está aqui de novo :D

    E sim, eu li “ouvindo” Nelson Gonçalves na cabeça huashaushaushuashausha

  2. […] atrasar esse texto. Eu sei que era para ter escrito algo logo depois do post que proclamava o retorno da coluna Gordo de Raiz, em março (que, por sua vez, saiu dois meses depois da anterior). Naturalmente, tenho uma boa […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *