Como escolher o seu tênis? Vai de esporte ou ecológico?

Brunno Elias
@brunnoelias

Publicado em 23 de Fevereiro de 2011

Com a difusão do uso de tênis, a partir da década de 1950, o calçado passou a ser (praticamente) obrigatório para todos. Também, tornou-se uma espécie de identificação de grupos: atletas, esportistas casuais, patricinhas, emos, alternativos e skatistas. Basta olhar para o tipo usado para se ter uma idéia de qual tribo a pessoa é.

Além da estética do calçado, o importante mesmo é escolher de acordo com a intenção do uso. Isso porque o mesmo tênis usado para passear no shopping pode não ser o mais indicado para uma corrida ou trilha.

Ficou curioso? Então vamos às dicas:

Conheça o seu tênis

Todos os tipos terão constituintes em comum e também usarão informações de biomecânica e anatomia para oferecer segurança e conforto ao usuário.

As partes integrantes de um tênis são:

  • Cabedal – parte superior do calçado;
  • Contraforte – no calcanhar, entre o cabedal e o forro interno;
  • Biqueira – estrutura na ponta do tênis para proteção dos dedos;
  • Forro interno;
  • Entressola;
  • Solado.

Vai de esporte?

Cada tipo de esporte demanda um modelo de tênis ideal.

Por exemplo, para atividades de quadra, como futebol de salão, vôlei, handebol e basquete é importante a estabilidade por conta das mudanças rápidas de direção.

Para o vôlei é também desejável ter um bom amortecimento para os saltos. No basquete a estrutura no solado com formas concêntricas, para auxiliar o jogador nos movimentos, e o cano longo para mais sustentação do tornozelo.

Se você curte atividades ao ar livre, fique atento para o terreno.

No futebol de campo é importante contar com as travas para obter estabilidade. Já no society o solado deve ter gomos para enfrentar a grama sintética. Nos dois casos é importante ter uma estrutura de proteção para os chutes.

Quem opta pela corrida deve, primeiro, descobrir o tipo de pisada (pronada, supinada ou neutra) com um especialista. Depois é só partir para o tênis, que não deve ter o solado muito alto e nem molas exageradas. Um bom sistema de ventilação também é importante.

E para a academia o conforto está em primeiro lugar. O tênis deve ter boa ventilação, preferencialmente baixo para oferecer sustentação adequada, tanto desejada em exercícios com pesos livres. Nesse caso, fique livre também para escolher o mais bonitinho.

Vai de ecológico?

Além dos modelos esportivos, agora seu tênis também pode ter a etiqueta “verde”. A marca holandesa OAT desenvolveu um tipo de calçado com estrutura biodegradável e sementes de árvores em seu interior.

Isso mesmo que você ouviu! Quer descartar o tênis? É só plantá-lo e uma linda árvore crescerá!

Não quer sair por aí plantando árvores toda vez que trocar de tênis? Então que tal um calçado feito de lona reciclada de garrafas PET? Estou falando de uma criação brasileira da marca Eco da Naturezza, que tem preocupação com o meio ambiente.

O cabedal é feito de Napa Acqua (material produzido à base de água – todo solvente utilizado na confecção é 100% recuperado e não há emissão de gases na atmosfera); o forro e a etiqueta são de fibra de bambu estampado com tinta também à base de água; o cadarço é de fibra de algodão; os ilhoses são de lacres de latas de refrigerante reciclados e o solado antiderrapante é de uma mistura de cortiça reciclada e tem aroma da árvore andiroba.

Garanto que você nunca pensou que escolher um tênis pudesse envolver tantas variáveis, não é mesmo?

——————-

@brunnoelias sempre foi gamadão na marca All Star com cano baixo.

——————-

Fontes:

Marca brasileira lança tênis ecologicamente correto.

Empresa cria tênis que pode ser plantado para dar origem a árvore.

Aprenda a escolher o tênis certo para o seu esporte.

O tênis nosso de cada dia.

Publicidade

Comente no Facebook

Comente no Site

7 respostas para “Como escolher o seu tênis? Vai de esporte ou ecológico?”

  1. Quem é @brunnoelias?

    AHAHu

    Gostei dos ecológicos… estava realmente em dúvida sobre calçados ultimamente…

    Vale a pena testar!

  2. muito bom! eu gosto de correr e fico sempre em dúvida, entre o preço que posso pagar e o que o vendedor empurra.

    • Maira Moraes disse:

      Oi! Realmente é complicado quando vamos comprar. Os bons tênis custam beeeeem caro e a gente fica se perguntando "pra quê tanta frescura". O problema é que não é frescura. A tecnologia incorporada ao calçado está aí para proteger nossos pés, articulações e coluna. Mas bem que eles poderiam baixar um pouquinho os preços, né? :-)

  3. @brunnoelias disse:

    Realmente o preço pesa e MUITO, mas é possível encontrar boas opções com valores acessíveis, mas normalmente são de marcas menos conhecidas ou modelos mais "feinhos".

  4. Anderson disse:

    Já pensaram na possibilidade de deixar menos poluído o site?
    Os patrocínios estão em cima das matérias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *