O aumento da presença feminina no universo dos jogos

Eduardo Sales Filho
@eduardo_sales

Publicado em 31 de março de 2017

Pouco a pouco o universo dos videogames está mudando. Sim, sabemos que a tecnologia evolui a cada ano e mais e melhores aparelhos surgem para nosso conforto e diversão mas não é disso que vamos falar nesse post.

Sabe aquela ideia do passado de que videogame era coisa de homem ? Já não funciona bem assim! Hoje em dia as mulheres estão dominando vários setores dos jogos. Em todo o mundo as mulheres já representam mais de metade da população que joga.

A tendência se tem acentuado nos últimos 5 anos. Muitos estudos mostram que em 2012, elas ainda se situavam na casa dos 40% em vários segmentos de jogos mas hoje em dia em muitos países europeus e nos Estados Unidos por exemplo, esse número já passa os 50%. Pesquisas apontam que esses números apresentam a tendência de subir mais.

Até mesmo no Brasil, as mulheres estão cada vez mais mostrando a sua vocação para o jogo. Os estudos mais recentes mostram que as mulheres são 52,6% do público que joga games no Brasil.

Apesar de certos elementos nesses estudos revelarem que elas ainda passam menos tempo coladas na tela da TV ou do celular do que eles, o certo é que o interesse pelos videogames já chegou e domina o universo feminino.

Nota de destaque para o smartphone que domina as preferências do brasileiro. Mais de 80% dos brasileiros preferem o celular na hora de jogar seu game favorito e mais uma vez as mulheres dominam o segmento de jogos para celular. Os computadores e consoles vêm um pouco mais atrás.

Até mesmo no segmento do cassino online as mulheres começam já a fazer notar sua presença. Com os caça-níqueis como seus jogos preferidos, são já vários os cassinos que demonstraram um aumento de jogadoras. Por entre os vários cassinos, o Royal Panda casino é sem dúvida o queridinho das mulheres.

Até em jogos de estilo RPG e MMO como o World of Warcraft, a presença feminina tem aumentado. Isso vem contrariar o forte estereótipo de alguns anos atrás de que jogos online e táticas de combate era somente coisa de homem.

Aos poucos as mulheres vêm conquistando seu espaço num universo que há algumas décadas atrás era quase exclusivamente dos homens.

Outro exemplo disso mesmo é nos Estados Unidos onde os últimos estudos de mercado mostram números globais de 53,6% para as mulheres em games de RPG e quase 60% no segmento para celular. No outro lado do atlântico, no Reino Unido, os números também mostram essa tendência com 52% dos jogadores sendo mulheres.

Com estudos como esses, é impossível negar que elas já superam os homens em número de jogadores e a tendência é só para aumentar.

Publicidade

Comente no Facebook

Comente no Site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *